quinta-feira, 3 de março de 2011

Espumante para crianças??

Pois é...vc não leu errado. Também li, e reli esta matéria quando tomei conhecimento.
Que o mercado está entrando cada vez mais agressivo pro público infantil não é mais nenhuma novidade. Diariamente somos bombardeados por várias propagandas apelando pro consumismo infantil, tanto na TV aberta quanto na paga. Eu não me incomodo tanto, acho que isso pode ser contornado com uma boa educação de imposições de limites à criança no que se julga necessário comprar/consumir ou não. Mas que é exagerado, de fato é.

Mas o negócio muda totalmente de figura quando você vê na prateleira do mercado, garrafas como essas:

A Cereser lançou o Spunch, um refrigerante frisante, que parece champanhe, mas não é champagne. A bebida não contém alcóol, também pudera, né?

Eu fiquei chocada, com isso!! Mais do que venda de maquiagem para crianças. Isso é muito sério. Não é porque não contém álcool que esse produto pode ser consumido indiscriminadamente por crianças. O intuito nisso tudo é induzir crianças ao "glamour" de bebidas alcóolicas, a ficarem cada vez mais cedo seduzidas por esse mercado, e se tornarem futuros consumidores de bebidas alcóolicas. Fidelização de clientes desde a infância. Muito Grave.

E o golpe mais baixo é fazer essas encantadoras garrafas com personagens Disney pra atrair a atenção da garotada. [Francamente, Disney!!]

Eu ainda não vi desse produto aqui nos supermercados que frequento no Rio. Mas só de saber que existe, já me enoja.
Sei lá...pode ser que tenha muito pai e mãe que ache isso uma grande besteira, que comprem um produto desse na brincadeira, pra criança "comemorar" algo junto dos pais, mas eu me preocupo muito com isso.

Sei que na nossa época havia os famosos chocolatinhos de cigarro, que adorávamos, e nem por isso eu tive a mínima vontade de fumar um dia. Mas eu acho que são coisas completamente diferentes! Veja bem o tal cigarrinho não era um cigarro sem nicotina, alcatrão e outras coisas mais fabricado pela Souza Cruz pra ser usado pelas crianças. Era chocolate. Acho que isso faz toda uma diferença.

Enfim, vi esse assunto ser abordado num belo post da Tais Vinha do Blog Ombudsmãe e comprei a briga!
Cereser, eu não compro produtos de quem não respeita a infância!

Se você também ficou chocado com essa informação, passe adiante! Vamos fazer barulho!!

Flávia.

18 comentários:

  1. Perfeito o post!

    Cereser... FAIL!
    Disney... conivente... FAIL TOO!!

    ResponderExcluir
  2. o fato da DIsney estar envolvida nem me assusta, se envolve grana eles estão dentro #nojo

    ResponderExcluir
  3. Concordo totalmente com esse post. Absurdo!!

    ResponderExcluir
  4. Olá Flávia!!!!

    Bom dia!!!!

    Que coisa... pensei que o espumante aí, fosse shampoo fazendo apenas alusão a bebida propriamente dita.
    Como dizia a formiguinha Tanachata: "Tô bobo!"
    Isso é uma "P" Sacanagem com os pais e principalmente com as crianças, né?
    Como disse, a coisa é mais séria do que se pensa, os tais cigarrinhos talvez não tenham induzido a você, mas a mim fizeram muito mal por 32 anos. E a quantos mais que não tiveram a mesma vontade que eu de parar?
    Isso é sério demais!!!
    Fazer barulho mesmo!!!!
    Rídícula a imposição deste tipo de produto, mais ainda, a autorização para personagens infantis estarem ilustrando, para mostrar uma falsa inocência.
    Que lástima!!!

    Adorei o post e o alerta!

    Parabéns!!!!!

    Beijo grande, fique com Deus e muito prazer,

    Beto Ribeiro.

    ResponderExcluir
  5. As crianças estão cada vez mais adultas e esquecendo de brincar, curtir coisas infantis... esses dias fui a um restaurante com amigos e uma amiga levou a filha de uns 10 anos ou menos e eu e a Karla inventamos uma brincadeira de cantar uma música com a palavra que falássemos... A primeira foi: Gato... elas não quiseram cantar porque era música de criança (?)... quando falamos sol, elas cantaram na hora a música do Luan Santana... eu fiquei triste e pensando... gente mas essas meninas não têm musicas bonitinhas, tão pequenas e já derretidas pelo Justin Bieber, imitando a Lady Gaga... ah eu sou bem careta pois fui criada em interior e nessa época eu era apaixonada pelo Juninho Bil e pela Turma do Balão Mágico... ai que época boa... éramos inocentes e achavamos coisas de adulto chatas. Hj queremos voltar no tempo e as pessoas da nossa época amam brinquedos e coisas de criança enquanto as crianças querem celular e brindar com espumante... O que mais me deixa chateada é que se a Cereser lançou esse produto é porque existe essa fatia de mercado sabe? E ele foi aprovado pela Anvisa e por muitos outros órgãos que proibem outras coisas que não fazem mal por puro interesse econômico. Eu brinco coma Karla que daqui uns dis vai existir a camisinha da barbie e do picachu pra vender... ainda bem que existem mães conscientes e que cabe a elas o papel de educar. Se acho refrigerante pra criança um absurdo, imagina isso. Fail não só pra disney e pra Cereser... fail pra quem aprovou a idéia tbm. Ai ai, quando vão vender educação e cultura numa garrafa? Porque isso a gente não vê por aí em prateleiras de supermercado... infelizmente!

    ResponderExcluir
  6. E pensar que na minha época, minha mãe só deixava eu e minhas irmãs tomar TUBAÍNA em dias especiais. E olha que eu já tinha mais de 5 anos...velhos tempos.

    Protesto apoiado, Flávia.

    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Flavinha,
    Tô chocada! Que absurdo!
    Vc foi perfeita em suas palavras...

    ResponderExcluir
  8. Pois então, por aqui tinha a tal bebidinha e me causou muita revolta. Vamos nos unir sim, nem que seja pra mostrar que estamos fartas desse bombardeio todo e ficaremos cada vez mais atentas.

    Vou te linkar...

    ResponderExcluir
  9. Como assim???!!! Vc tá coberta de razão! O pior é essa embalagem da Disney para chamar a atenção. É obvio que intenção é estimular no futuro o consumo de bebida alcoolica. Absurdo!!! Briga mais do que comprada, Flavinha!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Se alguém encontrar uma dessa no mercado, chame um psiquiatra....pq so pode estar maluco e vendo coisas que nao existem. Gente, pelo amor de Deus, apurem as coisas antes de disseminar uma mentira.

    ResponderExcluir
  11. Joao,
    recomendo vc a visitar o blog da Andrea Nunes que postou aí em cima.

    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Concordo.Formação de um futuro mercado consumidor. O pior vai ser convencer meu filho a não querer a garrafa linda do Mickey se ele ver. Tudo que vê do Mickey e do pateta ele quer. Tá dormindo agora com pijaminha do Mickey e me pediu lençol do Mickey tb (nem sei como surgiu ele essa idéia). A disney vincular a imagem nos dá a perfeita mostra do capitalismo americano.

    ResponderExcluir
  13. Flavia, valeu a adesão ao Mães Unidas Futebol Clube!

    Seguem os emails da Anvisa e do Ministério da Agricultura para quem quiser denunciar:

    gicra@anvisa.gov.br

    0800 704 1995
    ouvidoria@agricultura.gov.br

    E para o João, segue o linque do site da Cereser, anunciando o produto.

    www.cereser.com.br/spunch/

    Bjs!

    Taís

    ResponderExcluir
  14. Otiiimo post flavinha!

    Esse povo inventa cada coisa! afff

    ResponderExcluir
  15. Que absurdo, Flavia! Nao pude deixar de comentar que fiqui chocada! Bjs

    ResponderExcluir
  16. Nosso que coisa incoveniente. Nem sabia disso. Que coisa esquisita a Disney deixar associar a imagem dela a algo assim...

    ResponderExcluir
  17. Flávia, cheguei até aqui fazendo uma pesquisa sobre esse tal frisante. Vi hoje no mercado e fiquei boquiaberta. Pior... muita gente não tem consciência do mal que essa influência faz.
    Parabéns!! Teu texto está muito bem escrito!!
    Ah!! vc sabia que tem um outro blog com uma cópia desse teu texto???
    dá uma olhadinha aqui:
    http://anagarrido.wordpress.com/2011/03/10/espumante-para-criancas/

    beijo

    ResponderExcluir

Vou adorar receber seu comentário!

Ocorreu um erro neste gadget